Décio Gioielli, instrumentista, pesquisador e compositor. Atuou como percussionista da Banda Sinfônica do Estado de São Paulo por 25 anos. Décio iniciou sua carreira musical tocando percussão na Orquestra Jovem Municipal de SP. Participou de quatro edições do Festival de Inverno de Campos do Jordão como bolsista de percussão. Viajou seis vezes ao continente Africano para aprofundar seus conhecimentos sobre a música tradicional africana, especializando-se em instrumentos da família dos Lamelofones (Kalimba, Mbira e outros).

Em 2000 gravou o seu primeiro CD solo "Kalimba", com composições próprias feitas especialmente para o instrumento Kalimba.

Em parceria com o grupo Palavra Cantada, gravou o CD "Meu Neném" em 2003.

Em 2009 lançou o livro – CD "A Mbira da beira do Rio Zambeze" (editora Salamandra), sobre o principal instrumento musical do povo Xona, que compõe a maioria da população do Zimbábue.

O seu mais recente CD foi lançado pelo selo MCD em 2010 - "MPBaby- Caetano Veloso" – com arranjos de músicas de Caetano para a Kalimba.